::: Se gostas de BTT e aventura... aparece...:::

sábado, agosto 23

BTT... mais uma aventura... 22/08/2008

Mais uma aventura de três Furacões e o amigo betetista David... desta vez fizemos cerca de 105Km, um tanto ao quanto leves, pois o percurso não tinha muita inclinação. Cerca das 8h40 da manhã concentração feita junto à capela de Santa Ana, partimos nós para a aventura.




Fomos em direcção de Darque para seguir junto ao rio Lima, apanhando assim a eco via. Depois de chegar a Darque seguimos por baixo da Ponte Nova de Viana direcção S. Simão.




Tínhamos feito pouco mais de 20Km, primeira paragem, a bicicleta do Benedito apanhou na roda de trás um grande arame...




depois de arranjada seguimos então o nosso caminho pela eco via em direcção de Ponte de Lima. Chegados a Ponte de Lima, foi altura de parar a fazer uma pequena pausa junto ao chafariz, isto depois de passarmos numa tasca para ver a ementa especial que lá existe.






Energias recompostas fomos direcção ao outro troço de eco via que liga Ponte de Lima a Ponte da Barca. Que espectacular percurso, com pequenas subidas e descidas sempre junto ao rio, uma zona com várias azenhas junto a um curso de água, bonito...




Feitos alguns kms, mesmo no momento que nos aproximava-mos de um casal que por lá circulava com as suas bicicletas, a corrente de um deles rebentou,




...foi altura para fazer a boa acção do dia, emendar a corrente, depois de vários agradecimentos do casal, pois assim puderam prosseguir, seguimos o nosso caminho. Mas a verdadeira aventura começou foi quando estávamos já a chegar a Ponte da Barca, a eco via terminava e teríamos de sair para a estrada nacional, como somos betetistas resolvemos fazer atalho sempre junto ao rio, depois de passar por uns campos de milho e passar por muitas silvas, eis que encontramos uma alta ravina a qual tivemos que descer,




...seguindo depois uns trilhos nunca antes "navegados", depois de muitos arranhões, de passar por baixo de árvores caídas e passar pelo mato, um furo...




...vamos lá toca a reparar. Situação resolvida mais umas picadelas até por fim chegar a Ponte da Barca. Chegados, fizemos uma volta de reconhecimento e também para escolher o local do almoço. Almoçamos bem junto das bicicletas...




... pois sem elas não poderíamos voltar. Já bem almoçados, preparar para voltar, qual o nosso espanto, bicicleta do Zé furada... não há problema, toca a reparar.




Bicicleta reparada, lá viemos nós, seguimos o mesmo caminho em sentido contrário, com mais umas pequenas paragens para nos refrescar chegamos a casa (Neiva), sãos e salvos com mais uma aventura para contar aos colegas...




Clique aqui para ver mais fotos...

1 comentário:

Nuno disse...

Grande desafio!

Já fiz o percurso Barroselas - Ponte Barca e sem duvida que vale a pena fazer a ecovia, que está muito bem construida, só é pena aquele final de pista sem sinaliação nenhuma...